Header Ads

ad

Massacre em Ohio| Atirador se identificava como “esquerdista” e “pró-Satanás”


Connor Betts, com uso de rifles, passou por um distrito de entretenimento de Dayton, matando sua irmã e outras oito pessoas e deixou dezenas de outros feridos antes que a polícia o matasse (Foto: Washington Times)

O autor do massacre de Ohio deste domingo (4) se apresentava nas redes sociais como um “esquerdista” pró-satanás que queria que “a geração de Joe Biden morresse”. Além disso, odiava o presidente Donald Trump e esperava votar na senadora Elizabeth Warren para presidente.

Nas primeiras horas da manhã de domingo, Connor Betts, com uso de rifles, passou por um distrito de entretenimento de Dayton, matando sua irmã e outras oito pessoas e deixou dezenas de outros feridos antes que a polícia o matasse. “Eu quero o socialismo, e não vou esperar que os idiotas finalmente cheguem à compreensão”, escreveu ele em um tweet, segundo a Heavy.com

A agência de notícias disse que encontrou a página do Twitter de Betts (identificado como @iamthespookster) e verificou que a conta pertencia ao atirador. Tomou como base vários fatores, como uma tatuagem combinando em fotos de selfie e páginas notórias de Connor Betts, várias ligações familiares à página; fotos semelhantes, incluindo dele e do cão da família, na página e contas verificadas dos membros da família; e referências para a faculdade e crescer em Ohio e Dayton.

Fonte: Washington Times/ Terça Livre



Nenhum comentário