Americanos estão se afastando da igreja, diz pesquisa

Os dados mostram um declínio de 12% no número de americanos que se identificam como cristãos, em comparação à população em geral há 10 anos | FOTO: All Nations Gospel Church

Apenas 65% dos americanos agora se identificam como cristãos, enquanto aqueles que se identificam como não-religiosos aumentaram para 26%. É o que diz um novo estudo divulgado recentemente pelo Pew Research Center.

Os novos dados, selecionados a partir de pesquisas por telefone realizadas em 2018 e 2019, mostram um declínio de 12% no número de americanos que se identificam como cristãos, em comparação à população em geral há 10 anos. E o declínio é visível em várias informações demográficas, principalmente entre jovens adultos.

“As mudanças em andamento no cenário religioso americano são amplas. A parcela cristã da população diminuiu e os 'religiosos' cresceram em vários grupos demográficos: brancos, negros e hispânicos; homem e mulher; em todas as regiões do país; e entre os graduados e aqueles com níveis mais baixos de escolaridade ", afirma a Pew.

"Os religiosos não estão crescendo mais rápido entre os democratas do que os republicanos, embora suas fileiras estejam aumentando em ambas as coalizões partidárias", acrescenta o relatório. "E embora os religiosos não afiliados estejam aumentando entre os jovens e a maioria dos grupos de adultos mais velhos, seu crescimento é mais pronunciado entre os jovens adultos". 

No que diz respeito às taxas de participação em serviços religiosos, a parcela de americanos que afirmam frequentar serviços religiosos pelo menos uma ou duas vezes por mês caiu 7 pontos percentuais, enquanto a parcela que diz que frequenta serviços religiosos com menos frequência, se é que o faz, aumentou pela mesma figura.

Embora as igrejas protestante e católica tenham sofrido perdas em termos de participação na população, todos os subconjuntos da população não afiliada à religião têm experimentado crescimento em número.

“Ateus auto-descritos agora representam 4% dos adultos dos EUA, um aumento modesto, mas significativamente, de 2% em 2009; os agnósticos compõem 5% dos adultos dos EUA, acima dos 3% de uma década atrás; e 17% dos americanos agora descrevem sua religião como 'nada em particular', ante 12% em 2009. Membros de religiões não-cristãs também cresceram modestamente como uma parcela da população adulta ”, diz Pew.

Fonte: The Christian Post 

Postar um comentário

0 Comentários