Header Ads

ad

Igreja de maioria afro-americana decide não reabrir templos; "Não é o momento"

De acordo com os líderes da COGIC, o coronavírus ainda não foi contido e por isso é inadequada a reabertura dos templos |FOTO: AP

A Igreja de Deus em Cristo (COGIC - Church of God in Christ, Inc.), a maior denominação pentecostal dos Estados Unidos, com cerca de 8,8 milhões de membros predominantemente negros, divulgou uma declaração na última sexta-feira (22)  que seus templos permanecerão fechados porque o novo coronavírus ainda não foi contido e que sua reabertura será guiada pelo conselho de agências de saúde pública estaduais e federais.

“Os últimos meses foram uma estação de grandes dificuldades para nossa nação e nosso mundo. Os Estados Unidos sofreram várias pandemias virais nos 100 anos anteriores. Ainda assim, nunca houve um tempo em que uma doença viral tenha causado um impacto tão negativo em nossas comunidades como o COVID-19, o Coronavírus ”, diz o comunicado da COGIC, liderada pelo bispo Charles Blake Sr.

O texto segue dizendo: “A família da Igreja de Deus em Cristo não foi exceção. Bispos, superintendentes, pastores e membros leigos sucumbiram a esta doença, deixando suas famílias e igrejas devastadas por sua morte prematura”, continuou, reconhecendo a significativa perda da denominação para o coronavírus que impactou desproporcionalmente as comunidades negras e hispânicas.

O grupo observou que o CDC e o Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas aconselham todos a ficarem em casa e usar máscaras e a se envolver no distanciamento social se for absolutamente necessário sair.

“O CDC e o NIAID desenvolveram modelos matemáticos para monitorar o número de casos e mortes recentemente confirmados resultantes do vírus. Eles usaram esses modelos para rastrear o padrão de doença e morte. Os dados os ajudarão a determinar quando a contenção foi alcançada e quando é seguro retomar as reuniões públicas, incluindo cultos na igreja e outras atividades religiosas ”, afirmou a denominação.

Fonte: The Christian Post


Nenhum comentário