COVID-19| Governador da Califórnia inclui igrejas em decreto de fechamento de atividades

Gavin Newsom: "A covid-19 não desaparecerá tão cedo" |FOTO: Rich Pedroncelli/AP 

O governador da Califórnia, Gavin Newsom, anunciou na segunda-feira que 30 municípios devem fechar todas as operações internas para incluir igrejas, áreas de entretenimento familiar e restaurantes. A notícia chega quando a Califórnia registrou um aumento nos casos COVID-19.

"Como os casos de Covid-19 e as hospitalizações continuam a aumentar, agora serão necessários 30 municípios para fechar operações internas,  como academias, locais de culto, escritórios para setores não críticos, serviços de cuidados pessoais, salões de beleza e barbearias e shoppings", twittou o governador. 

Alguns dos municípios sujeitos a novas restrições são Fresno, Los Angeles, Santa Barbara e Ventura. O governador enfatizou que o Coronavírus será uma preocupação por algum tempo - pelo menos até que exista uma vacina ou terapia eficaz em vigor.

"Estamos vendo um aumento na disseminação do vírus, e é por isso que todos devemos reconhecer sobriamente que a covid-19 não desaparecerá tão cedo até que haja uma vacina ou uma terapia eficaz", disse Newsom. 

Fonte: CBN News 

Postar um comentário

0 Comentários